Como contratar um advogado para se divorciar?

Esta é uma das principais dúvidas de quem vai se divorciar. Além disso, é o passo que deve ser dado com mais cautela. Por isso, leia este artigo para saber como contratar o advogado certo para você!

Reproduzir vídeo

Ao contratar um advogado para divórcio, você deve observar alguns pontos. Por exemplo: referência, o atendimento e a disponibilidade do profissional. Ademais, avalie se confia nele. Por fim, ele deve ser especializado em Direito de Família.

Seu casamento não está mais funcionando. Por conta disso, você está pensando em se divorciar. Então, saiba que terá que resolver outras questões, além da separação. Por exemplo:

Por isso, você deve saber contratar um advogado que saiba lidar com esses temas. Desse modo, ele deve ser especializado em casos como o seu. Ou seja, você deve  contratar o advogado certo para o divórcio.

Desse modo, pensando em te ajudar, preparamos este artigo no qual você aprenderá:

  1. Qual advogado certo para o divórcio?
  2. Como contratar um advogado para divórcio?

Qual o advogado certo para o divórcio?

O advogado certo para o divórcio é o advogado de família, já que ele saberá qual a melhor modalidade de divórcio para você. Ou seja, se o processo deve ser consensual, litigioso ou extrajudicial.

Isso porque ele analisará a sua situação cautelosamente, para saber se, por exemplo, você e sua esposa conseguem chegar a um acordo quanto ao valor da pensão alimentícia. Ou, ainda, sobre como será sua convivência com seus filhos.

Além disso, ele te dará a assistência jurídica específica para o seu caso. Portanto, suas chances de êxito são maiores do que se você contratar um advogado generalista, por exemplo.

Como contratar um advogado para se divorciar?

advogado de divórcio
Você sabe como contratar um advogado para se divorciar?

Então, na hora que você for contratar seu advogado, leve em conta alguns pontos. Por exemplo:

  • Referências;
  • Confiança no profissional;
  • Atendimento recebido;
  • Disponibilidade, entre outros aspectos.

Portanto, antes de contratar um advogado, observe esse pontos.

Assim, para te ajudar, explicamos o que você deve fazer ou considerar neste momento.

Referências 

Antes de contratar um advogado, procure informações sobre ele. Por exemplo, veja se o profissional é  especializado na área. Ou, ainda, se ele faz parte de algum órgão representativo.

Desse modo, você saberá se ele já fez divórcios de casais com filhos ou apenas separações extrajudiciais, por exemplo.

Além disso, aconselhamos a consultar a OAB do seu Estado. Assim, você pode se certificar de sua regularidade.

Opiniões

Em seguida, pesquise as referências do profissional que deseja contratar. Além disso, é interessante procurar a opinião de clientes anteriores, até mesmo para saber como ele lidou com questões mais complexas que as suas.

Desse modo, você saberá se ele realmente é qualificado para te ajudar.

Ademais, procure depoimentos contando como o profissional ou o escritório os ajudou. Isto porque eles são boas formas de avaliar o trabalho prestado.

Escritório

Além disso, é interessante observar se o advogado faz parte de um escritório bem estruturado.

Esta característica pode te ajudar, uma vez que vários especialistas procurarão solucionar o caso. Assim, como divórcios com filhos são mais complexos, ter uma equipe qualificada poderá diminuir o impacto da separação nas crianças. 

Outro ponto positivo é que uma equipe maior, certamente, estará mais atentas às decisões judiciais que poderão beneficiar você e seus filhos.

Atendimento

Outro ponto que você deve observar, é o primeiro contato com o advogado. Afinal, isto é crucial para uma contratação.

Assim, perceba se o advogado parece interessado na sua história; se ele se preocupa em te ouvir e explica, detalhadamente, os passos do processo.

Ou, se, por outro lado, ele utiliza uma linguagem técnica sem se importar com o momento pelo qual você está passando.

Portanto, observe a disponibilidade e atenção que ele te dá no primeiro encontro.

Confiança

Por fim, você deve confiar no seu advogado, já que ele terá acesso às suas informações pessoais. Ou seja, ele terá um histórico da sua vida matrimonial, bem como da vida de seus filhos.

Além disso, ele representará os seus interesses e os das suas crianças, também.

Assim, se não houver confiança entre vocês, ele não é o advogado certo para você.

Então, se você encontrar um advogado que te escute e você confie, não êxite em contratá-lo!

Por fim,  ainda assim, você tem alguma dúvida sobre esse assunto ou precisa de ajuda? Então, entre em contato com a nossa equipe jurídica especializada em divórcio e direito de família. 

Além disso, você pode dar uma olhada nos nossos outros conteúdos aqui no blog. 

VLV Advogados

Deixe uma resposta

    © Copyright VLV Advogados - Todos os direitos reservados.