Motivos que levam ao divórcio: saiba agora!

No momento do casamento tudo é perfeito, mas, com a convivência, alguns hábitos podem levar você e sua esposa ao divórcio

Reproduzir vídeo

No momento do casamento, tudo é perfeito, uma vez que este é um momento muito sonhado. Além disso, muitos planos são feitos.

Assim, você, ao casar, apesar de ter conhecimento de que problemas poderiam surgir, não imaginava o divórcio. No entanto, com a convivência, alguns conflitos apareceram. Nesse momento, muitos homens ficam na dúvida se o divórcio é a decisão certa a ser tomada.

Logo, caso você também esteja passando por esse momento de dúvida, pode ficar calmo! Nós estamos aqui para te ajudar a passar por isso. 

Portanto, saiba, agora, os principais motivos que levam ao divórcio:

  1. Falta de respeito
  2. Infidelidade no casamento
  3. Ciúmes
  4. Problemas financeiros
  5. Falta de comunicação

1. Falta de respeito

Para a construção de um casamento sólido, é fundamental que haja o respeito ao parceiro, além de uma compatibilidade de valores e visões.

Assim, quando isso não acontece, mas, sim, desavenças e falta de cumplicidade, os conflitos e as discussões começam a surgir. Desse modo, nunca chega-se a uma solução.

Além disso, essa situação acaba por direcionar o casal a perder o respeito um pelo outro, agravando ainda mais a convivência e constituindo, portanto, um dos primeiros motivos que levam ao divórcio.

2.  Infidelidade no casamento 

Saiba agora os motivos que levam ao divórcio e evite-os!
Motivos que levam ao divórcio

No início do relacionamento, existe um compromisso, entre ambas as partes, de manter a fidelidade. No entanto, quando o casamento está desgastado, com muitas brigas, por exemplo, o interesse no outro pode deixar de existir. Portanto, a infidelidade pode acabar acontecendo.

Assim, considerando que o casal já está em processo de afastamento, a traição é um comportamento que tende a intensificar esta situação. Desse modo, muitos casais não suportam a infidelidade e optam pelo divórcio.

3. Ciúmes

Esse sentimento é normal em qualquer relacionamento, mas o que faz dele um risco para a relação é o exagero. Principalmente quando tudo o que outro faz começa a gerar suspeita no parceiro.

Desse modo, a partir daí, não existe mais a base de uma relação saudável, que é a confiança. Portanto, várias brigas podem surgir e, até mesmo, uma situação na qual um tenta controlar os passos e atitudes do outro pode surgir.

Assim, o ciúme é um grande motivo que leva ao divórcio.

4. Problemas Financeiros

Problemas relacionados a dinheiro também trazem diversos transtornos ao casamento.

Isso acontece, sobretudo, quando o casal ainda não possui estabilidade financeira, uma vez que dívidas podem ser feitas, seja para quitar gastos importantes ou não.

Assim, essa situação pode acarretar inúmeras discussões, inclusive de como o dinheiro deve ser usado, com o que gastar ou não, por exemplo.

Desse modo, este é mais um motivo que leva ao divórcio.

5. Falta de comunicação

A partir do momento no qual não existe mais diálogo entre você e sua esposa, qualquer coisa pode se tornar motivo para brigas.

Além disso, se vocês estão se distanciando ou não fazem mais programas de lazer como antes, é hora de ligar o sinal de alerta, uma vez que, com isso, ocorre tanto o distanciamento físico, quanto o emocional.

Assim, acaba surgindo um motivo que pode levar ao divórcio.

Por fim, lembramos que claro que nenhum desses motivos significa que seu casamento está perdido e nada pode ser feito.

No entanto, caso decida que é a hora de se divorciar, converse com sua esposa antes de dar os primeiros passos para se separar e veja se ela também percebe todos esses motivos que levam ao divórcio.

Ainda assim, você tem alguma dúvida sobre o que fazer depois de decidir que quer se divorciar ou precisa da ajuda de algum advogado? Então, entre em contato conosco e converse com a nossa equipe jurídica especializada em divórcio para homens e direito de família.

Além disso, se preferir, leia, também, os outros conteúdos de nosso blog!

VLV Advogados

Post relacionados

Deixe uma resposta

    © Copyright VLV Advogados - Todos os direitos reservados.