Pedido de Liberdade Provisória | Pode pedir em audiência de instrução?

Sua audiência de instrução está próxima? Então, saiba quais as possibilidades de ser solto neste momento!

Pedido de liberdade provisória em audiência de instrução: como pedir?
Pedido de liberdade provisória em audiência de instrução: você sabe como pedir?

 

A audiência de instrução ocorre para verificar se o acusado é culpado ou inocente. Além disso, apesar de ser um dos últimos momentos do processo,  ainda assim é possível fazer o pedido de liberdade provisória na audiência de instrução.

A prisão é um momento difícil não apenas para o preso, mas também para a sua família. Por isso, é possível fazer pedidos de liberdade provisória. Desse modo, as pessoas envolvidas podem passar por este momento de maneira menos traumática.

Assim, pensando em te ajudar, preparamos este artigo no qual você aprenderá:

Audiência de instrução: o que é?

A audiência de instrução é muito confundida com um dos primeiros procedimentos após a prisão de uma pessoa: a audiência de custódia. No entanto, essas duas reuniões são completamente diferentes.

Assim, a audiência de custódia ocorre logo após a prisão em flagrante, para analisar a legalidade ou não da prisão, sem discutir ou analisar os fatos. A audiência de instrução, por outro lado, acontece nas últimas fases do processo.

Desse modo, a audiência de instrução serve, justamente, para analisar provas, ouvir as testemunhas e determinar se o réu é inocente ou culpado.

O que é o pedido de liberdade provisória?

O pedido de liberdade provisória é uma solicitação feita pelo seu advogado ao juiz. Nela, há o pedido para que você responda ao processo em liberdade.

Além disso, normalmente, ele é feito primeiro durante a audiência de custódia.

Entretanto, nada impede que, após surgir um fato novo, seu advogado peça a reavaliação do pedido. Isso ocorre mesmo que o juiz tenha negado a solicitação inicialmente.

O que fazer para conseguir a liberdade provisória em audiência de instrução?

Então, neste caso, é imprescindível contratar um advogado especialista em direito penal. Isso porque, desse modo, as chances de conseguir uma reavaliação positiva do pedido de liberdade provisória aumentam.

Além disso, ele pode analisar a possibilidade de solicitar a revogação da prisão preventiva, por exemplo. Assim, as chances de você responder ao resto do processo em liberdade aumentarão.

Por fim, ainda assim, você tem alguma dúvida sobre o assunto? Então, entre em contato com nossa equipe especializada em direito penal.

VLV Advogados.

Post relacionados

Deixe uma resposta

© Copyright VLV Advogados - Todos os direitos reservados.